O presidente da OABRJ, Luciano Bandeira, convidou esta semana o advogado Sérgio Bermudes para receber a Medalha Raymundo Faoro, referente ao triênio 2019-2021. Criada em 2008, a comenda é a maior honraria da Seccional, concedida uma vez por mandato a advogados e advogadas que se destacam na profissão e prestam relevantes serviços à Justiça e à sociedade. 

O nome de Bermudes foi aprovado de forma unânime pelo Conselho Pleno da OABRJ, durante sessão realizada no dia 10 de junho. 

Sócio de uma das bancas mais prestigiadas do país, Bermudes foi uma das primeiras pessoas conhecidas no Brasil a ter um caso gravíssimo de Covid-19 no início de 2020, quando tudo em torno da doença ainda era um grande enigma. Juntando as intercorrências de sucessivas infecções, passou seis meses hospitalizado. Sua recuperação também foi vista como um prodígio e em maio deste ano ele já voltou a bater ponto no antigo prédio da Bolsa de Valores do Rio, onde fica a sede de seu escritório. 

Os agraciados com a comenda passam a integrar a Galeria Raymundo Faoro, além de terem garantidos assento e voz vitalícios no Conselho Seccional.