Começou nesta terça-feira, dia 22, a III Conferência Nacional da Jovem Advocacia, organizada pelo Conselho Federal da OAB, por meio de sua comissão nacional sobre o tema e da Comissão da Jovem Advocacia da OAB/MS. Evento tradicional da Ordem, realizado a cada três anos, o encontro - que este ano aconteceria em Bonito/MS - precisou ser adaptado para o formato virtual em razão da pandemia de Covid-19.

Ao longo dos dias 22, 23 e 24 serão debatidos, de forma gratuita, os principais temas do universo dos profissionais em início de carreira. O cenário pós-pandemia e as oportunidades de mercado para os jovens advogados dará o tom à Conferência Magna, ministrada por Ana Paula Martinez, conferencista eleita a melhor advogada do mundo em 2018. 

Presidente da Comissão Nacional da Jovem Advocacia e da OAB Jovem da Seccional do Rio de Janeiro, Amanda Magalhães participou da mesa de abertura do evento.

Para acompanhar os painéis, basta entrar no site oficial do evento, inscrever-se, rolar a barra até o item 'Programação' e escolher a sala virtual desejada. Os organizadores emitirão certificado de participação de 30h, no entanto, não serão emitidos certificado para aqueles que acompanharem as palestras por outro canal que não seja o site oficial do evento. 

O evento reúne representantes e participantes de todo o Brasil para debater o panorama da profissão, com foco na jovem advocacia - que corresponde hoje a quase 50% dos mais de 1 milhão de profissionais inscritos na OAB.