Um fato triste marcou o início deste dia de eleições da OABRJ: a morte por mal súbito do colega Ronaldo Spinelli, de 81 anos, minutos depois de votar, na seção eleitoral montada pela Seccional no Clube Municipal, na Tijuca. A Seccional, através da Caarj, está prestando total assistência à família desde os primeiros momentos.

"Lamento profundamente o falecimento do Dr. Spinelli.  Nada do que for dito agora atenua a dor da perda de um colega e de um ente querido. Prestamos toda assistência imediata e colocamos a Caarj à inteira disposição da família neste momento tão difícil e delicado", declarou o presidente da Caixa, Ricardo Menezes.

O advogado se sentiu mal e foi acudido pela gerente administrativa da Caarj Elisa Nunes, que atuava como coordenadora do ponto de votação. Nunes acionou o Samu e realizou os primeiros-socorros sob orientação de um médico por telefone. Teve ajuda de outros funcionários e de um médico do clube. Com a chegada das ambulâncias do Samu, houve várias tentativas de reanimá-lo até que os socorristas declararam o óbito às 10h30. 

Trajando roupa esportiva, Spinelli tinha ido desacompanhado escolher os representantes da advocacia fluminense para o triênio 2022-2024. Estava lúcido e comunicativo ao exercer seu direito ao voto, sem se importar se, àquela altura da vida, o ato não configurava mais um dever formal. De acordo com o Provimento 111/2006 da Ordem, o advogado ou advogada que completar 70 anos e acumular 30 anos de contribuição contínuos ou não à entidade fica isento do pagamento de multa ou anuidade. A isenção atinge também aqueles que tenham contribuído para a Ordem durante 45 anos ou mais.

“A OABRJ está consternada com o falecimento do colega e profundamente comovida com o significado de orgulho de pertencimento à advocacia que as circunstâncias carregam. A Ordem está ao lado da família, acolhendo suas necessidades  neste momento tão doloroso”, afirma o presidente da OABRJ, Luciano Bandeira.

Spinelli deixa companheira, uma filha e uma neta. 

O velório será realizado nesta quarta-feira, dia 17, das 15h às 16h, na Capela A, do Crematório da Reviver no Cemitério São Francisco Xavier, no Caju.