Mesmo em meio à maior crise sanitária da nossa época, que gera reflexos graves na situação financeira do país, a OABRJ segue firme em sua missão de aparelhar os espaços da Ordem em todo o estado, entregando à advocacia todos os equipamentos indispensáveis para a sua atuação. Nesta sexta-feira, 25, uma comitiva liderada pelo presidente da Seccional, Luciano Bandeira, inaugurou novas instalações na OAB de Belford Roxo.

A sede da subseção teve o seu andar térreo todo reformado e conta, agora, com três escritórios digitais - espaços preparados para que advogados e advogadas possam, além de atender seus clientes, realizar audiências por videoconferência - e uma central de peticionamento com quatro computadores. 

A sala no fórum ganhou uma nova organização nas baias, o que permitiu a ampliação no número de computadores. Quando não for mais necessário manter o distanciamento entre os colegas, medida de segurança imposta pela pandemia, será possível aumentar mais uma vez a quantidade de máquinas no espaço.

Em sua fala, Luciano reforçou o compromisso de continuar investindo na melhoria dos serviços oferecidos à advocacia:

"Ao assumir a presidência da Ordem, assumi, também, o compromisso de cuidar dos advogados e das advogadas do estado. Os escritórios digitais atendem a uma das necessidades mais urgentes do momento: oferecer equipamentos para que os colegas consigam participar das audiências virtuais e desta forma não parem de trabalhar. Até o final do ano, a meta é ter mais de 300 escritórios nesses moldes em todo o estado", adiantou o presidente.

Na cerimônia simbólica realizada nesta manhã - e que contou apenas com integrantes das diretorias da Ordem e da subseção em respeito aos protocolos de segurança -, Luciano também exaltou a importância de Abelardo Tenório, presidente da OAB local, para a advocacia de Belford Roxo. 

Tenório, que está à frente da subseção desde 2010, destacou as dificuldades enfrentadas pela categoria com as crises sanitária e econômica e reforçou a importância das melhorias para advogados e advogadas da região:

"Agora estamos preparados para qualquer tipo de atendimento que a classe necessite. E oferecer um atendimento melhor neste período tão difícil é uma vitória. Um grande feito das diretorias da OABRJ e da Caarj, que merece ser celebrado".

A meta, salientou o presidente da Caarj, Ricardo Menezes, é justamente se fazer presente nesses momentos de dificuldade. "Já disse e repito: essas inaugurações são muito importantes, porque demonstram que mesmo na pandemia, a Seccional e a Caixa não pararam de trabalhar em prol da advocacia. Toda a anuidade depositada é revertida em favor de advogados e advogadas", disse. 

Ricardo exaltou, ainda, o sucesso da campanha de Vacinação Anual Contra a Gripe, que já vacinou mais de sete mil pessoas. "É muito serviço que a gente faz. E sabemos fazer muito bem".

Diretor do Departamento de Apoio às Subseções (DAS), Fábio Nogueira, sublimou o orgulho de fazer parte desta gestão: "Nenhuma outra diretoria enfrentou os desafios que estamos enfrentando. A pandemia impactou os diversos projetos que tínhamos, mas não deixamos de honrar nossos compromissos”.

A cerimônia contou ainda com as presenças dos presidentes das subseções de Queimados, Alexandre Fontes, Duque de Caxias, Vagner Sant'Ana, e Nova Iguaçu, Hilário Franklin . O secretário-geral e o assessor da Presidência da OABRJ, Álvaro Quintão e Carlos André Pedrazzi, respectivamente, também participaram da solenidade. Pela Caarj, estiveram presentes o tesoureiro, Fred Mendes, e a diretora suplente Julia Vera Santos. O presidente do Sindicato dos Advogados do Rio de Janeiro, Cláudio Goulart, e a diretoria da subseção completaram o grupo.