Notícias
08/03/2018 – 12h16 | última atualização em 09/03/2018 – 18h06

Dia Internacional da Mulher: o que queremos?

Fonte: redação da Tribuna do Advogado
        Arte: Raphael Carneiro  |   Clique para ampliar
 
 
Uma pesquisa realizada pelo Instituto Ipsos - empresa de pesquisa presente em mais de 80 países - e divulgada na quarta-feira, dia 7, ouviu 20 mil homens e mulheres em 27 países, incluindo o Brasil, para tentar identificar quais são os maiores problemas enfrentados pela população feminina. No cenário geral, o assédio e a violência foram as principais dificuldades indicadas. Já no Brasil, a violência sexual foi a mais apontada, seguida de assédio sexual, violência física, abuso doméstico, sexualização da mulher na mídia e disparidade salarial.

Há trinta anos, o país estava em pleno processo constituinte, construindo a legislação que regeria a vida dos brasileiros e que, meses depois, estabeleceu a igualdade de direitos e obrigações entre homens e mulheres como clausula pétrea. ­“Quando falamos da igualdade na Constituição Federal, trata-se de uma igualdade formal e que não foi efetivada. Queremos galgar essa igualdade que ainda não aconteceu”, defende a presidente da OAB Mulher da OAB/RJ, Marisa Gaudio.

Nesse contexto, a OAB/RJ celebra o Dia Internacional da Mulher iluminando o edifício-sede da Seccional com a cor lilás, para marcar os direitos que já foram conquistados, e convida 13 mulheres, oito advogadas e cinco funcionárias da Ordem, a responderem a pergunta: O que queremos?
 
PUBLICIDADE
OAB/RJ - Av. Marechal Câmara, 150 - Rio de Janeiro - RJ - CEP: 20020-080 - Fones: (21) 2730-6525 / (21) 2272-6150
atendimento@oabrj.org.br - 2012 - OAB/RJ online - Todos os direitos reservados.
Fechar(x)